Publicado em: 22/04/2019 15h50 – Atualizado em: 15/08/2019 14h44

Lama Asfáltica: pedidos de exceção de incompetência são indeferidos

 

Foram publicadas no Diário Oficial do TRF3 (Tribunal Regional Federal da 3ª Região) desta segunda-feira (22) as decisões proferidas pelo juiz substituto Sócrates Leão Vieira, da 3ª Vara Federal de Campo Grande, que negou outros quatro pedidos de exceção de incompetência criminal para afastar da Justiça Federal a ação que denuncia suposto recebimento de propina do Grupo JBS apurados dentro da Operação Lama Asfáltica.

O Tribunal Regional Federal irá analisar se deve ser acatado o pedido da defesa para que o caso seja julgado pela Justiça Eleitoral. As oitivas não devem prosseguir até decisão colegiada do TRF3.

Os pedidos publicados nesta terça foram feitos pelas defesas dos réus André Puccinelli Júnior, João Paulo Calves, Jodascil Gonçalves Lopes e dos empresários João Alberto Krampe Amorim dos Santos e Elza Cristina Araújo dos Santos, representados por defesa única.

Na semana passada, o juiz já havia negado os pedidos de João Roberto Baird e André Cance, além da do ex-governador André Puccinelli.

As oitivas suspensas começariam nesta terça com o ex-executivo Demilton Antônio de Castro. No segundo dia, 24, o juiz ouviria os delatores Valdir Aparecido Boni e Florisvaldo Caetano de Oliveira. No dia 30, seriam ouvidos os irmãos e donos da JBS, Joesley e Wesley Mendonça Batista por videoconferência.

 Seção de Comunicação Social