Publicado em: 26/06/2020 16h15 – Atualizado em: 26/06/2020 16h28

Portal EMAGConecta discute os direitos culturais em tempos de pandemia

25/6/2020 - O advogado da União Humberto Cunha Filho fala da ambiguidade entre o consumo e a produção de cultura durante a quarentena 

 

A Escola de Magistrados da Justiça Federal da 3ª Região (EMAG) publicou, no dia 19/6, no portal Emagconecta, vídeo do advogado da União e professor da Universidade de Fortaleza (UNIFOR) sobre o artigo 215 da Constituição Federal, o qual garante a todos o exercício pleno dos direitos culturais, bem como o acesso a fontes da cultura nacional.  

Segundo ele, a pandemia aumentou a demanda por consumo cultural, sem os quais “a quarentena seria insuportável”. No entanto, o professor explicou que a produção artística foi sufocada. “O campo das artes foi um dos primeiros a ser afetados e será um dos últimos a se restabelecerem”, declarou.  

Por outro lado, ele aponta o crescimento de outras manifestações: os saberes virtuais. 

Para assistir ao vídeo completo, clique aqui

EMAGConecta 

O portal EMAGConecta é uma plataforma que disponibiliza material audiovisual para magistrados, servidores e público em geral, com conteúdos didáticos voltados ao aperfeiçoamento da prestação jurisdicional. 

Dirigida pela desembargadora federal Therezinha Cazerta, a EMAG tem como objetivo favorecer a construção e a difusão do conhecimento, propiciando situações de aprendizagem que contribuam para a seleção, a formação, a atualização e o aperfeiçoamento de magistrados. 

Assista aos vídeos aqui 

Assessoria de Comunicação Social do TRF3 

http://web.trf3.jus.br/noticias/Noticias/Noticia/Exibir/396256

Fonte: TRF3 em 26/06/2020