Publicado em: 19/02/2021 02h10 – Atualizado em: 22/02/2021 22h39

Justiça Federal intensifica ações de segurança nos prédios das Subseções de Mato Grosso do Sul

 

                                           O controle mais rígido na entrada e saída de pessoas foi uma das medidas adotadas para reforçar a segurança nos prédios

A Seção Judiciária de Mato Grosso do Sul intensificou ações para garantir maior efetividade na segurança dos magistrados, servidores, terceirizados e do público em geral que utilizam os prédios da Justiça Federal de MS. Uma das ações implementadas foi o controle mais rígido na entrada e saída de pessoas, adotando-se o Sistema de Portaria – SISPO, com o cadastro obrigatório e uso de crachás de identificação.

Em razão da pandemia, para garantir o atendimento presencial ao público externo, adotou-se o sistema de agendamento eletrônico, que é feito através dos e-mails disponíveis no site da JFMS.

O sistema de agendamento eletrônico, além de trazer maior controle de acesso aos prédios da JFMS, está sendo utilizado para garantir o cumprimento do Plano de Biossegurança, implementado para combater à propagação do Coronavírus.

Inovações

A implantação do Sistema de Monitoramento Eletrônico (composto por CFTV, sensores e cerca elétrica) em todos os Prédios da Justiça Federal de MS,  tem demonstrado grande eficácia. O Sistema é operado por uma empresa terceirizada que, ao constatar alguma ocorrência, entra em ação em poucos minutos.

A instalação de novas câmeras de segurança em pontos estratégicos nos prédios da Seção Judiciária trouxe maior segurança aos servidores, terceirizados e público em geral, uma vez que o sistema também pode ser utilizado pelas partes em caso de alguma ocorrência durante o atendimento.

Para detecção de metais iniciou-se a instalação de portas eclusas (com funções semelhantes às Portas Giratórias). A previsão é que todos os prédios recebam o equipamento até o fim deste ano, todavia, nas Subseções onde a porta eclusa ainda não foi instalada, o controle está sendo feito por portais detectores de metais.

Contratações

Além dos sistemas já implementados, a Direção do Foro  tem se empenhado em aprimorar cada vez mais a segurança, para tanto, já estão em andamento a contratação de scanner de bagagens de mão tipo Raio X para instalação nas Varas Federais que atuam nas regiões de fronteira e a contratação de serviços de controle de acesso de pessoas através de catracas com leitor de aproximação e catracas motorizadas para PNE.

Enfim, a Justiça Federal de Mato Grosso do Sul está trabalhando para oferecer melhor segurança possível à população que necessita utilizar as dependências dos seus prédios, conforme avaliou o Diretor do Foro, Ricardo Damasceno de Almeida, "A proteção dos operadores do Judiciário no exercício de suas funções beneficia também a população, que poderá ter suas demandas atendidas em segurança”.

Seção de Comunicação Social